7 Maneiras de mudar o mundo pelo Facebook sem se tornar uma pessoa mimizenta.

Olá pessoal!

Todo mundo tem, e se não tem, já teve ou vai ter o amigo mimizento que publica qualquer coisa que defenda seu ponto de vista político, ideológico, social, etc. tudo em nome da melhor das intenções: a de tornar o país/mundo um lugar melhor para todo mundo viver. Nada contra, as redes sociais são de vocês e vocês podem postar o que desejar. Mas precisam entender que certas abordagens são capazes de realmente tirar do sério qualquer pessoa. A boa notícia é que ninguém precisa deixar de militar por um mundo melhor e ainda por cima pode faze-lo de verdade, sem nem sair de casa, se você quiser. Então, se você é desses que adora discutir política, feminismo, nazismo e todos os demais "ismos" que a nossa sociedade adora idolatrar, pense duas vezes antes de desconstruir os conceitos na rede social e vamos fazer, online, coisinhas que podem, de verdade, tornar o Brasil/mundo um lugar melhor, sem encher o saco de ninguém e com resultados no mundo real.

#1 - Doe livros.

Doar livros, de qualquer natureza, é uma maneira muito eficiente de tornar a sociedade muito melhor. A explicação pra isso é muito simples: pessoas que leem mais têm maiores condições de expandir suas concepções de construir o mundo, de interpretar sua dinâmica e, claro, de lutar pelos seus ideais evitando toda forma de mimi sem nenhuma necessidade. Você pode doar livros a uma criança, alguma biblioteca de escola pública ou ainda a um vizinho que você saiba que curte livros. Tem uma quantidade muito grande de grupos no Facebook que são direcionados à doação/encaminhamento de livros. Se você quiser entrar pra receber/fazer alguma doação, simples, clica aqui e conheça um dos mais populares no Facebook. Aproveitando o gancho, basta dizer que se você realmente quer mudar o mundo, dá pra fazer isso doando, pelo Facebook também Alimentos, roupas, brinquedos, e até aquele seu velho celular usado. Você deve pensar que aquela frase do Che Guevara não vai mudar nada na vida de ninguém, mas uma roupa quentinha, uma cesta básica ou aquele brinquedo, vai.

#2 Participe de algum grupo de trabalhos voluntários.

Sabia que na sua cidade podem existir pessoas que não conseguem rebocar uma parede, construir uma lage, ou até mesmo limpar um quintal com mato? Pessoas precisam ser alimentadas nas ruas e, embora alguma entidades tenham alimentos, muitas vezes faltam pessoas que possam ajudar a cozinhar, separar as porções, conduzir uma Kombi até o subúrbio, e por isso o trabalho fica ainda mais limitado? Esses e outros vários problemas podem ser resolvidos pelo seu Facebook. Existem grupos que ajudam pessoas a realizar desde trabalhos diversos, até encontrar a própria família por meio da rede social. E você aí publicando frases da Cecília Meirelles! Que feio...

#3 Explore algum talento. 

Você sabe bordar? Pintar? Sabia que pode ajudar uma escola ou creche da sua cidade? Não sabe nenhuma dessas coisas, mas consegue manejar uma vassoura e uma pá? Pessoas em abrigos de idosos estão constantemente precisando de quem realize atividades simples do dia-dia, simplesmente porque elas não conseguem fazer sozinhas. Fazendo isso, você permite que funcionários e voluntários dedicados a alguma forma de trabalho com os pacientes possam direcionar todo o esforço para eles. Não e maravilhoso? Você pode também ser uma dessas pessoas, basta ir em algum lugar, como um lar de idosos, por exemplo, e dedicar um tempinho a alguma coisa além da sua coleção de memes da Frida Kahlo.

#4 Ensine alguém.

Apesar de ser mais raro hoje em dia, muitas pessoas adultas ou adolescentes não sabem nem ler nem escrever. Isso é um empecilho na vida delas! Imagina não saber ler ou escrever em uma sociedade em que tudo é o signo? Pois é, uma barra. Mas se você já foi alfabetizado, conhece o alfabeto e tem um pouco de tempo sobrando, que tal deixar seu político de estimação um pouco de lado, e dar aulas como voluntário em alguma escola do Ensino de Jovens e Adultos? Você não precisa ser professor formado pra ajudar com uma turma extra. Melhor! já pensou em ajudar pessoas em situação de risco? Existem entidades que lutam pela democratização da educação e da alfabetização no Brasil, que têm páginas e grupos no Facebook. Curtindo estas páginas, você pode entrar em contato com estas entidades e agendar um dia na semana pra dar umas aulas, mostrando que você se preocupa DE VERDADE com o mundo à sua volta.

#5 Plante uma, duas, várias árvores.

Que o mundo entrará em um colapso pelos recursos naturais em algum tempo isso é fato. Embora a sociedade de consumo tenha boa parte da responsabilidade sobre isso, a sua omissão, além das inúmeras horas que você gasta postando fotos de pessoas passando fome na áfrica (enquanto no seu país pessoas não conseguem por comida na mesa) também criam uma demanda por energia elétrica, e como não somos referência em economia limpa, adivinha? Pra postar o textão ou o vídeo sobre ativismo no Youtube, você estimula a criação de mais hidroelétricas, termelétricas, além de outras fontes sujas de geração de energia. Agora adivinha: sair e plantar uma árvore, não custa quase nada, além de permitir que você crie condições para que uma sociedade melhor possa se desenvolver, enquanto faz novos amigos. Mas se você não pode sair, pode ajudar, pelo Face, quem o faz. Basta clicar nesse link e conhecer um monte de pessoas, que estão por aí, na vida real, preocupadas com o oxigênio que você respira. Não é melhor que criticar os candidatos a presidente sem conhecer as propostas deles?

#6 Financie um projeto sustentável.

Sabe a onda do crowdfunding? Pois é, ela também pode te ajudar a conseguir a cura do "mimimismo". Existem diversos projetos que você pode financiar com a bagatela de U$ 1,00 (R$ 3,12) e que vão transformar o mundo à nossa volta.  Tem de tudo: desde projetos para melhorar a eficiência energética do seu lar, até bicicletas que geram energia baseadas no movimento de pedalar. Pense bem: você não precisa de mais uma "brusinha" do Che Guevara, mas o mundo precisa de novas iniciativas que possam dar vazão às ideias que irão, de verdade, poupar nossos recursos, otimizar nosso consumo e construir uma sociedade que estará mais propensa a adequar-se às questões que realmente podem impactar positivamente a vida dos indivíduos, não apenas no Brasil, mas no mundo inteiro! Clique aqui e descubra uma iniciativa que vai mudar o mundo - com a sua ajuda!

#7 Crie um canal no Youtube e exponha seu ponto de vista lá.

Você pode falar sobre política, música, Nutella e amoebas sem encher o saco nem torrar a paciência de ninguém: faça isso no Youtube, coloque os links no Facebook e deixe que as pessoas decidam se querem ou não ouvir o que você tem a falar. Além de te dar muito mais credibilidade do que aquele textão atribuído ao Pedro Bial, um canal no Youtube de sucesso, pode te trazer muitos amigos, conhecimento de causa e até um dinheirinho extra. O Facebook é um lugar ótimo pra aumentar o engajamento dos seus vídeos no Youtube, desde que você se filie a um grupo/página específico pra isso, nem faça uso abusivo dos links que você estará gerando por lá o tempo todo. Muito mais chique. Muito mais inteligente.

Você tem mais alguma sugestão pra ajudar o seu amigo mimizendo a tornar o mundo um lugar melhor e sem ganhar mais inimigos? Deixa aí a sua sugestão nos comentários e divulga o blog nas suas redes sociais!

@Blog_192001 @Mrsilvioh

INSTAGRAM FEED

@ricardandrade2008